Entenda como calcular e analisar o ponto de equilíbrio da sua empresa

Para realizar um bom planejamento econômico-financeiro da empresa é imprescindível que você conheça e analise alguns indicadores de desempenho para entender o que a empresa precisa fazer para alcançar seus objetivos e metas; e entender a real situação da empresa até o momento.

Um destes indicadores indispensáveis na hora do planejamento e entendimento é o Ponto de Equilíbrio (PE ou Break Even Point, em inglês).


 
O ponto de equilíbrio é um indicador de segurança operacional, que mostra o quanto a empresa precisa faturar para igualar as receitas com as despesas e custos.

Quando é atingido o ponto de equilíbrio, o lucro da empresa é zero, assim como o prejuízo. Ou seja, é quando as vendas dos produtos e/ou serviços pagam todos os custos e despesas (variáveis e fixas), mas ainda sem sobrar nada. A qualquer nova venda, desde que a receita unitária seja maior que o custo unitário, passará a gerar lucro.

Apesar do cálculo ser simples, essa é uma excelente ferramenta para a análise da viabilidade de uma empresa e também a uma adequação da empresa no mercado, pois ela ajuda a entender qual deve ser o nível de produção mínimo em termos de quantidade e valor.

www.valorbpo.com.br


ENTENDA A FÓRMULA DO PONTO DE EQUILIBRIO

O primeiro passo para calcular o ponto de equilíbrio é ter um controle de custos e despesas, e também um controle sobre as suas receitas.

Tendo essas informações, o cálculo do ponto de equilíbrio passa a ser simples e fácil de ser interpretado.

Para fazer o cálculo do Ponto de Equilíbrio, use a seguinte fórmula:
Ponto de equilíbrio = Custo e Despesas Fixas / Margem de contribuição

EXEMPLO
Vamos imaginar que sua empresa vende um produto a R$100,00 a unidade. O custo variável do produto é de R$40,00 e a despesa variável é de R$20,00. Isso te dá uma margem de contribuição (Receita unitária - Custos variáveis - despesas variáveis) de R$40,00 por unidade.

Considerando que suas despesas e custos fixos é de R$5.000,00 mensais, quantas unidades mensais do seu produto você precisa vender para alcançar o ponto de equilíbrio da sua empresa?

PE unidades = 5.000/40
PE unidades = 125 unidades


PE valor = 125 x R$100,00 = R$12.500,00

Ou seja, a empresa precisará faturar R$12.500,00 mensais, vendendo 125 unidades, para que a receita seja capaz de pagar todas as despesas e custos, desta forma, não gerando nem prejuízo e nem lucro. A partir deste ponto, toda venda contribuirá com o lucro da empresa.

Em uma projeção também é possível calcular o ponto de equilíbrio de forma percentual da receita projetada. Mostrando quanto mais baixo o valor, menos arriscado é o negócio.

Escrito por Niklas Stenberg

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os ciclos da sua empresa e otimize o uso do capital de giro e custo de estoque

A importância do profissional de finanças nas pequenas e microempresas

Como recuperar crédito de seus clientes inadimplentes com uma boa estratégia de cobrança